Bichos e crianças em casa: alérgicos podem ter?

Os bichinhos de estimação trazem muitos benefícios para o desenvolvimento das crianças. O convívio com animais fortalece o sistema imunológico, torna as crianças mais ativas, ensina responsabilidades e auxilia no desenvolvimento emocional.⠀⠀⠀⠀⠀

Mas e os alérgicos? Podem ter? Quem nos ajuda com esta dúvida é a alergista e imunologista Helena Fleck Velasco, do Nasce.

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Ao contrário do que a noção popular diz, não é o PÊLO do bicho que causa problemas. “A alergia aos animais ocorre em contato com as proteínas da pele, saliva ou urina desses animais em pessoas que são geneticamente predispostas a alergias”, explica a médica.

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Estudos mostram que o contato desde o nascimento com animais têm FATOR PROTETOR para algumas doenças alérgicas como dermatite atópica e asma. Por isso, quem tem pets desde sempre não tem nenhuma indicação para viver sem bichinhos quando for decidir ter filhos, mesmo sendo de família alérgica, pois os pets podem ajudar!


E se a criança for alérgica? Posso dar um pet pra ela?

No caso do paciente ter sintomas alérgicos, o mais indicado é fazer uma avaliação com um alergista para identificar qual é o alérgeno principal responsável pelos seus sintomas. É preciso avaliar se o principal causador da alergia são os ácaros (principais vilões) ou o próprio pet. Essa avaliação é feita através de teste de alergia (prick test ou IgEs específicas).

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Se os ácaros forem os responsáveis, muitas vezes podemos melhorar os sintomas com a higiene adequada do local. Se a alergia for causada pelo próprio pet existem opções para não afastar totalmente o animal da criança. A principal delas são as vacinas para alergia, chamadas de imunoterapia.

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Se seu filho tem sintomas alérgicos, procure um alergista para fazer uma avaliação completa e orientá-lo.

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Quem aí tem pets em casa? Como é o convívio das crianças com os mascotes?





Fonte: Nasce Criança

1 visualização0 comentário
pngwing.com (2).png