Maternidade tardia: tire suas dúvidas sobre fertilidade e os riscos após os 40

Hoje em dia é cada vez mais frequente postergar a decisão de ter filhos, seja por fatores pessoais ou profissionais. Há dois pontos importantes para discutirmos quando se fala da idade ideal para gestar: a questão da fertilidade e a dos riscos da gestação mais tardia. Quem explica é o médico Andrey Boeno, da Nasce, que atua na área de ginecologia com ênfase em Reprodução Humana.

O QUE VOCÊ PRECISA SABER SOBRE FERTILIDADE


A mulher já nasce com seu estoque de óvulos para toda sua vida fértil (reserva ovariana). Com o passar dos anos, esta quantidade de óvulos vai diminuindo, assim como a qualidade, o que explica a diminuição da capacidade reprodutiva e o aumento dos riscos da gestação.


Do ponto de vista fisiológico, o melhor período para engravidar é entre os 20 e os 30 anos, pois nesta época as chances de gravidez são maiores e as complicações da gestação são menores.


A chances de gravidez diminuem com o passar dos anos. A idade marco para essa diminuição é os 35 anos de idade.


A taxa de fecundabilidade (a chance mensal de gravidez) é de aproximadamente de 20 a 25% para mulheres com menos de 35 anos e de 10 a 15% entre os 35 e 39 anos. Após os 40, fica em torno de 5% e vai diminuindo progressivamente.


O QUE VOCÊ PRECISA SABER SOBRE AUMENTO DOS RISCOS


É possível engravidar após os 45 anos? Sim, mas as chances mensais de gestação são menores de 1%. E as chances de abortamento espontâneo são de cerca de 50% após o 40 anos e de 80 a 90% após os 45.


As principais complicações da gestação tardia, além do abortamento, são diabetes, hipertensão, malformações e cromossomopatias fetais – dentre as cromossopatias fetais a mais frequente e conhecida é a Síndrome de Down.


Existem muitas alternativas e soluções na área da medicina reprodutiva. Se você pensa em postergar sua gestação, converse com o seu ginecologista e procure um especialista em reprodução humana para que seja feita uma avaliação e receba as orientações adequadas. Estamos aqui para lhe ajudar!




Fonte: Nasce Criança

21 visualizações0 comentário
pngwing.com (2).png